4 de janeiro de 2012

A Corrupção na sociedade brasileira

Quando pensamos em corrupção a primeira categoria que vem a nossa mente são os políticos. Mas será que é mesmo assim? Será que eles são os únicos corruptos desse país? Como se a sociedade fosse uma ilha de honestidade e os únicos desonestos fossem eles? Proponho-me a fazer essa reflexão junto com os leitores, para discutirmos sobre nós mesmos a sociedade brasileira.

Uma questão que vem sendo abordada nos últimos tempos é que a sociedade do nosso país tem uma cultura de corrupção, mais conhecida como “jeitinho brasileiro”. Todo brasileiro já ouviu falar nesse termo, como se fosse uma característica que torna o povo do país mais inteligente que os demais, ou como uma capacidade de improviso que só nós temos. Mas será que é isso mesmo? Na verdade, esse “jeitinho brasileiro”, na maioria das vezes, envolve um ato contra a lei; mas não podemos jogar toda a culpa no povo, até porque às vezes as pessoas não têm conhecimento disso.

O que vemos todos os dias em nossa sociedade são políticos envolvidos em casos de corrupção, porém se olharmos atentamente, a imensa maioria desses casos também envolve pessoas comuns. Dessa forma, temos que refletir que os casos de corrupção unem políticos e não políticos em torno de um único objetivo: “levar vantagem”.

Há outra questão que incentiva essas práticas no Brasil: a cultura de que o dinheiro público não é de ninguém. As pessoas se indignam mais com um vizinho que rouba outro, do que com um político que “rouba” uma cidade inteira, um estado, ou até um país. E essa cultura tem que acabar no nosso país, até porque o dinheiro público é de todos e como diz Cristovam Buarque: “Corrupção mata”.

Nem sempre os casos de corrupção envolvem políticos. Quantas vezes vemos policiais envolvidos com o tráfico ou que pedem dinheiro pra deixar um motorista passar num posto rodoviário sem inspecionar o carro? Quantas vezes vemos funcionários públicos usando de suas posições para aplicar golpes no governo e no próprio povo? Quantas vezes vemos pessoas forjando doenças ou acidentes para receber benefícios do Governo, recebendo um benefício destinado a pessoas de baixa renda sem precisar dessa ajuda, ou até pessoas recebendo um salário do Governo como se trabalhasse, mas que nunca aparece no serviço?

Poderíamos passar o dia todo discutindo sobre formas de corrupção envolvendo a sociedade brasileira, mas esse não é o objetivo. A população brasileira deve assumir sua parcela de responsabilidade nessa questão, pois só assim haverá uma melhora nessa situação que vivemos em nosso país. Todos temos responsabilidade nessa questão, pois os políticos são eleitos através de nosso voto.

Mas infelizmente o que está exposto em parte da sociedade brasileira é a cultura do “vale tudo” que, inclusive, foi tema de uma novela em uma emissora de Televisão, onde o que as pessoas querem é se dar bem, não importando os meios.

Unidos varreremos a corrupção desse país, mais cedo ou mais tarde. Mas só conseguiremos com engajamento da população, como já vem acontecendo nos últimos tempos com as“Marchas contra Corrupção”. Já tivemos provas com a aprovação da lei da Ficha Limpa que os políticos têm receio de ir contra a vontade popular. E para isso funcionar temos que ser mais vigilantes e acompanhar a vida política do país. Você que pensa que não acompanhando a política está ajudando, não está, apenas deixa que essas práticas se perpetuem no Brasil.

Rondynelle Silva

2 comentários:

  1. Rondynelle, é um bom texto! Inspire-se e continue a escrever. Sucesso!

    ResponderExcluir
  2. Rondynelle, concordo com tudo o você disse sobre as formas de corrupção isso realmente acontece em nosso país. Parabéns

    ResponderExcluir

Deixe seu comentário